18 de dez de 2013

6 anos do último...

Dia 18.12. Há exatos 6 anos tudo mudou pra sempre... tudo acabou, tudo passou a ser memória. Há 6 anos a minha vida não é mais a mesma, não tem 100% do brilho que costumava ter. Há 6 anos, a Sandy e o Junior realizavam o último show como dupla.

É difícil dizer alguma coisa hoje. Parece que todos os anos, desde 2008, a gente repete as mesmas palavras, a gente revive os mesmos sentimentos... parece que todos esses anos são iguais. Até por esse motivo eu não quis fazer um especial, um post cheio de dados, fotos e vídeos. Preferi algo menor e bem pessoal... como sempre fiz. 

Sou capaz de me lembrar de cada minuto daquele último show. A emoção da Sandy na primeira música. O choro do Junior em "Super Herói"... um daqueles que finalmente encontram o momento certo para se libertar. As câmeras documentando tudo. A Sandy cantando pro Junior e ele, mais uma vez, chorando muito. O trechinho da tão pedida "Dias e Noites". A participação da Ivete Sangalo. Os presidentes e vices em "Tudo Pra Você". A última música. Aquele último abraço... os dois ajoelhados no palco... lágrimas do lado de lá e do lado de cá... despedida... cortinas se fechando... luzes se acendendo... fim. Quase 2 horas do show que marcaria o término de uma parceria de 17 anos. Só quem esteve lá, sabe realmente o que foi isso. Só quem esteve lá entende o clima em que os fãs estavam. Acho que se pudéssemos parar o tempo e segurar aqueles últimos momentos com as mãos, teríamos feito sem pensar duas vezes.

Hoje, quando revejo minha vida durante esses 6 anos, percebo que muita coisa mudou no exato momento em que as cortinas do Credicard Hall se fecharam. Eu perdi muito. Acreditem ou não, depois daquele dia, a sensação é a de sempre faltar alguma coisa. Sempre soube a força e o poder que o "&" tinha, mas nunca pensei que fosse tanto. Sabia que esta data sempre mexeria comigo, mas não imaginava que mesmo depois de tanto tempo eu estaria aqui, em um espaço dedicado à Sandy e ao Junior, escrevendo sobre como tudo isso ainda é muito vivo em mim. 

As vezes é estranho falar sobre "fim". Mesmo depois de tanto tempo, não consigo aceitar essa palavra. Não dá pra dizer que uma história como a de Sandy & Junior chegou ao fim. Acho injusto com as nossas recordações, com tudo o que a gente viveu. É injusto com tudo o que ainda vive. A carreira deles sempre vai existir, porque ficou marcada em cada pessoa que acompanhou, ao menos, um pouquinho disso tudo. 

Pra mim, o dia 18.12.2007 foi como uma passagem, um ritual de transformação que marcou apenas uma separação física. Para além do que os olhos podem ver, os dois continuam juntos. 

A Sandy e o Junior sempre foram e ainda são dois dos pilares que me mantem em pé. Tipo um porto seguro, o lugar que sei que posso voltar ; o meu ponto de recomeço ; onde eu lembro de quem eu sou... um alicerce mesmo! 
Tudo ainda está intacto, intocável, protegido. Todo o amor... sempre para eles, incondicionalmente para eles. E isso, nenhum "último show" é capaz de por um fim. 



E o grito de "inseparáveis" continua ecoando dentro de mim.

Saudades, sempre.

Cau*

Um comentário:

  1. Hoje cheguei no trabalho e fui tirar as publicações diárias.. Quando olhei a data (18/12/2013) pensei nisso... Poxa, a carreira deles foi muito grandiosa, e soa até um pouco egoísta mas não queria que chegasse ao fim. Estou ansiosa pelo programa do domingo pois sei que mexerá comigo pois eles estarão alí, juntinhos. E por um lado sei que parece que nada acabou.
    Se eu soubesse que um dia a dupla acabaria, teria aproveitado MUITO MAIS. Hoje é dia de ouvir ao acústico mtv e chorar.. (pelo menos eu sou assim..)

    Bjos Cau, como sempre você acertou nas palavras. :D

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...